Depois da apresentação mundial no último Salão de Genebra, a BMW acaba de divulgar as principais informações técnicas relativas ao seu novo híbrido plug-in Série 7, o qual estará disponível em três variantes: 740e iPerformance (carroçaria de dimensões “normais”), 740Le iPerformance (versão longa), e 740Le xDrive iPerformance, sinónimo de tracção integral.

Independentemente da variante, debaixo do capot, encontra-se o mesmo quatro cilindros 2,0 litros turbo a gasolina, a debitar 258 cv e 400 Nm de binário entre as 1.550 e as 4.400 rpm, a que se juntará, com o apoio de uma transmissão automática de oito velocidades, um motor eléctrico capaz de acrescentar mais 113 cv e 250 Nm de binário. Dito de outra forma: um total de 326 cv e 500 Nm de binário.

P90226942_highRes

No caso do motor eléctrico, a energia a utilizar será armazenada numa bateria de iões de lítio de 9.2 kWh de potência, localizada por baixo dos bancos traseiros, e que tanto poderá ser carregada através da energia gerada pelo sistema de travagem regenerativo, como com recurso a uma tomada – em apenas quatro horas, caso a potência oferecida seja de 240V.

P90226948_highRes

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Segundo a BMW, o 740e iPerformance será capaz de completar o trajecto dos 0 aos 100 km/h em 5,4 segundos, com a versão longa a necessitar de apenas mais um milésimo de segundo para conseguir tal feito.

Quanto aos consumos, a marca da hélice anuncia médias entre os 2,0 e 2,2 l/100 km, dependendo das rodas e pneus utilizados, ao mesmo tempo que garante que o 740e iPerformance poderá cumprir até 48 km em modo exclusivamente eléctrico.

P90226947_highRes

Na consola central, o botão eDrive permitirá ao condutor escolher entre três opções para configurar o comportamento do sistema híbrido plug-in: Auto eDrive, no qual o motor a gasolina assume o controlo sempre as acelerações sejam feitas mais a fundo ou o veículo ultrapasse os 80 km/h; Max eDrive, em que é dada prioridade à utilização em modo eléctrico, desde que se circule a velocidades até 140 km/h; e Battery Control, com o qual o condutor poderá fixar e guardar nas baterias uma percentagem de energia, para utilização mais tarde em modo exclusivamente EV.

P90226945_highRes

O 740e iPerformance contará também com o já conhecido sistema de modos de condução Driving Experience Control, com as opções Adaptive, Eco pro, Comfort e Sport, sendo que do equipamento de série deverá fazer ainda parte a tecnologia de iluminação laser, um tecto em vidro panorâmico, bancos traseiros tipo “lounge”, “head-up display”, sistemas de ajuda à condução e ao estacionamento, sistema de câmaras “surround” e “pack” M Sport.

Visualmente, o novo híbrido plug-in deverá distinguir-se dos restantes Série 7 pela utilização da cor azul nos faróis dianteiros, grelha, emblemas BMW e iluminação, acompanhada dos logótipos “i” e “eDrive”, tanto no exterior como no interior. Quanto a preços, notícias apontam para que a comercialização se inicie na casa dos 104.329€.