Portugal vai ter como adversários as seleções do Brasil, China e Estados Unidos no Mundialito de futebol de praia, de sexta-feira a domingo, em Cascais, onde a prova se pode fixar mais “seis a oito anos”.

Campeão do Mundo e da Europa em título, Portugal vai cruzar-se com o Brasil, campeão do mundo em quatro ocasiões, a China, que é uma das mais poderosas equipas da Ásia, e os Estados Unidos, uma das potências da CONCACAF.

“O torneio vai servir como preparação para o apuramento ao Mundial 2017. Acredito que vamos ter grandes jogos, uma luta muito grande, o que fará com que cada vez mais pessoas se interessem por esta modalidade”, disse o selecionador, Mário Narciso, na apresentação da prova.

O ‘capitão’ da seleção, Madjer, falou em “torneio especial”, lembrando que foi em Carcavelos onde se iniciou na modalidade.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Juan Cuscó, vice-presidente executivo da Beach Soccer Worldwide, revelou que a intenção da organização da prova é “estar em Cascais os próximos seis ou oito anos”, depois de a competição ter passado pela Figueira da Foz e Espinho.

Paralelamente, o Mundialito vai integrar a Taça Europeia de futebol de praia feminina, com Portugal, Espanha, Suíça, Grécia, Holanda e Inglaterra.