Donald Trump ganhou a Hillary Clinton nas audiências de televisão dos discursos que fizeram nas convenções dos respetivos partidos, em que foram oficialmente nomeados candidatos à Presidência dos Estados Unidos da América (EUA) nas eleições de novembro.

O republicano Trump teve 34,9 milhões de pessoas a ouvi-lo pela televisão quando aceitou a nomeação como candidato à Casa Branca. Clinton, do Partido Democrata, conseguiu 33,8 milhões de espetadores, segundo divulgou hoje a empresa de medição de audiências Nielsen.

Os números não incluem aqueles que seguiram as convenções pela transmissão em direto na internet.

As convenções do Partido Republicano e do Partido Democrata decorreram em duas semanas diferentes e ambos os candidatos à Casa Branca encerraram os encontros com discursos proferidos em quintas-feiras à noite.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Já entre segunda e quarta-feira, foram os democratas que conseguiram mais espetadores através da televisão.

Nesses dias, pelo palco da Convenção do Partido Democrata, em Filadélfia, passaram ‘pesos pesados’ da política norte-americana, como o Presidente dos EUA, Barack Obama, e a mulher, Michelle Obama, o ex-presidente Bill Clinton ou o senador Bernie Sanders, que disputou as eleições internas com Hillary Clinton, para além de figuras do desporto e de estrelas de Hollywood.