Dark Mode 135kWh poupados com o Asset 1
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Hoje é um bom dia para mudar os seus hábitos. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

"Ooooooooooohh Zica!". Eliminação histórica dos EUA no Futebol feminino alegra as redes sociais

As atuais tricampeãs olímpicas estão fora das meias-finais pela primeira vez na história do torneio. Nas redes socias, os brasileiros vingam-se da guarda-redes Hope Solo por uma "piada" sobre o zika.

i

As americanas perderam para a Suécia nos quartos-de-final do torneio de Futebol

Getty Images

As americanas perderam para a Suécia nos quartos-de-final do torneio de Futebol

Getty Images

No torneio de Futebol feminino a equipa norte-americana foi eliminada esta sexta-feira no quartos-de-final pela Suécia, num jogo decidido nos penáltis (4-3), após o empate a 1-1 no tempo regulamentar. O resultado representa uma das maiores surpresas destes Jogos Olímpicos. Consideradas favoritas a vencer a medalha de ouro, as norte-americanas são as atuais tricampeãs olímpicas e nunca falharam uma meia-final, desde que o futebol feminino foi integrado no programa olímpico, em Atlanta 1996.

Tristeza em campo para as americanas, felicidade para os brasileiros nas redes sociais. O motivo? Uma imagem publicada pela guarda-redes Hope Solo na sua conta no Instagram, em julho. A atleta aparecia vestida com um fato de proteção e inseticida contra o zika e dizia-se #zikaproof no caminho para o Rio de Janeiro. Alguns dias antes, já havia publicado outra imagem com diversos inseticidas. “Se alguém na Vila Olímpica se esquecer de pôr repelentes na mala, venha ver-me”, brincou.

Not sharing this!!! Get your own! #zikaproof #RoadToRio

Una foto publicada por Hope Solo (@hopesolo) el

If anyone in the village forgets to pack repellent, come and see me...#DeptOfDefense #zikaproof

Una foto publicada por Hope Solo (@hopesolo) el

A imagem não caiu bem junto do público brasileiro. Desde a estreia das americanas no torneio de futebol feminino, sempre que a guarda-redes toca na bola, a claque brasileira grita nos estádios: “Ooooooooooohh Zica!”. Foi assim em Brasília, Manaus e Belo Horizonte.

A “vingança” dos brasileiros contra Hope Solo atingiu o seu ponto alto este sábado, com a eliminação da equipa dos EUA do torneio. Após a derrota, os internautas brasileiros publicaram diversos memes no Twitter, associando a guarda-redes ao seu comentário sobre o vírus:

https://twitter.com/DCNBiblioteca/status/764171251292237824

No Instagram de Hope Solo, comentários com a hashtag #ZikaWins foram publicados, inclusive em imagens não relacionadas com os Jogos Olímpicos.

Already missing my dogs! But I know they'll be cheering us on from home while we are in Brazil! #RoadToRio

Una foto publicada por Hope Solo (@hopesolo) el

Manaus couldn't be more beautiful. #rio2016

Una foto publicada por Hope Solo (@hopesolo) el

https://twitter.com/luisagomess/status/764187663385628672

A “vingança” dos brasileiros, no entanto, não afetou Hope Solo. Quando chegou ao Brasil, disse aos jornalistas que só estava a “ficar preparada o máximo possível” e pediu desculpas aos brasileiros. “Estou a tentar preparar-me o melhor possível. Só quero estar protegida, mas estou feliz de estar aqui, um país lindo. O povo brasileiro é muito gentil, sempre foram grandes fãs meus. Estou muito animada para jogar aqui. Eu não quis ofender ninguém, peço desculpa por isso, mas só quis vir preparada”, afirmou.

Durante o torneio, repetiu que não se sentia incomodada com os gritos de “zika” nos estádios. “Não costumo entender o que acontece nos arredores do estádio, porque fico muito concentrada no jogo. Mas eu acho que os torcedores só querem se divertir no estádio, entendo”, disse, citada pelo site Globo Esporte.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.