IPMA

Temperatura do mar no Algarve em julho foi mais quente dois graus do que em 2015

A temperatura da água do mar no Algarve registou em julho valores superiores em cerca de dois graus Celsius em relação ao mesmo período de 2015, anunciou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

LUÍS FORRA/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

A temperatura da água do mar no Algarve registou em julho valores superiores em cerca de dois graus Celsius em relação ao mesmo período de 2015, anunciou hoje o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com a informação disponível na página da internet do IPMA, durante o mês de julho a temperatura da água do mar na costa sul do Algarve apresentou uma tendência de subida, verificando-se valores médios entre 22 a 23 graus na região de Sagres e superior a 24 graus a leste de Faro.

Segundo o IPMA, entre meados de julho e meados de agosto a boia ondógrafo de Faro do Instituto Hidrográfico registou temperaturas entre os 22 e os 26 graus, valores superiores aos verificados em igual período de 2015, “de que são exemplo os registos de 17 a 19 graus entre Sagres e Portimão e de 22 a 23 graus próximo de Vila Real de Santo António”.

“Quando comparando com o período de referência 1981-2010, verifica-se que, entre 17 de julho e 13 de agosto de 2016, a anomalia da temperatura da água do mar na região [do Algarve] foi de 0,5 a um grau centígrado, sendo que os valores típicos neste período se encontram no intervalo entre 22 e 24 graus”, referiu ainda o IPMA.

O instituto atribui a subida da temperatura da água do mar da costa sul do Algarve aos “episódios de vento de levante no estreito de Gibraltar, ao qual está associado um transporte de águas mais quentes do Mediterrâneo para o oceano Atlântico, e que atingem a costa sul da Península Ibérica, em particular o sotavento algarvio”.

Na segunda quinzena de julho e na primeira quinzena de agosto, “o regime de levante no estreito de Gibraltar ocorreu com persistência, e com interrupções pouco duradouras, favorecendo assim, a manutenção de ­temperaturas superficiais elevadas”.

O instituto indicou ainda que, durante este período, na costa oeste do continente, a temperatura da água do mar variou entre os 15 e os 19 graus, registando-se a partir do final de julho um aumento gradual da temperatura da água do mar a sul da Península de Setúbal, com valores entre os 20 e 23 graus em meados de agosto.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Arrendamento

A coisa /premium

Helena Matos
309

Programas para proprietários que antes de regressarem à aldeia entregam ao Estado as suas casas para arrendar. Torres com 300 apartamentos. O arrendamento tornou-se na terra da intervenção socialista

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)