A taxa de desemprego manteve-se inalterada em julho nos 11,1%, anunciou o Instituto Nacional de Estatística (INE), que reviu o valor que tinha estimado para junho de 11,2% para 11,1%, estimativa essa que passa agora a definitiva.

De acordo com os números mensais do emprego e desemprego hoje publicados, 567,3 mil pessoas estavam desempregadas, mais 1.800 pessoas que em junho. Estes números ainda são provisórios e sujeitos a alterações, tal como se verifica agora com os dados do mês anterior.

Em junho, segundo o INE, 565,5 mil pessoas compunham a população desempregada, o equivalente a 11,1% da população ativa, que cresceu em cerca de 9,4 mil pessoas em julho, em comparação com junho deste ano.