Rúben Cavaco, o jovem agredido em Ponte de Sor pelos filhos do embaixador iraquiano em Lisboa, teve alta e já saiu do Hospital Santa Maria, em Lisboa, confirmou o Observador junto de fonte oficial do hospital.

Em declarações à TVI24, o advogado de defesa Santana-Maia Leonardo afirmou que o estado de saúde do jovem estava a evoluir “muito positivamente”, inclusive mais rápido que o previsto. A TVI24 apurou que o jovem não apresentou complicações neurológicas. No entanto, o jovem irá realizar TAC’s e outros exames para averiguar se irá sofrer sequelas da agressão. O jovem foi submetido a cirurgias de reconstrução facial.

Esta notícia surge no mesmo dia em que o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, disse que Portugal estará reunido com Governo iraquiano dentro de duas semanas em Nova Iorque, para acelerar levantamento da imunidade dos gémeos iraquianos.

A defesa de Rúben Cavaco não exclui a hipótese de chegar a um acordo financeiro com a outra a parte assim que seja “conhecida a extensão dos danos sofridos” pelo jovem de 15 anos.

A agressão ocorreu na madrugada de 17 de agosto.