Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Um homem de 31 anos foi detido neste sábado por suspeitas de ter assassinado um casal de idosos portugueses, depois de uma tentativa de assalto em Edmonton, no Canadá.

Antes de entrar na casa de João e de Maria Nascimento, Edward Kyle Roberts forçou a entrada numa outra residência, onde terá roubado uma faca. De acordo com a CBC News, que cita a polícia local, foi com esta que terá matado o casal, de 93 e 81 anos, respetivamente. Os corpos vão ser autopsiados e os resultados devem ser conhecidos na terça-feira.

Para além de dois crimes de homicídios, Roberts, que já era conhecido da polícia, será acusado de posse de arma e de invasão de domicílio. Scott Pattinson, porta-voz da polícia de Edmonton, disse à CBC que as autoridades acreditam que o casal de portugueses foi escolhido aleatoriamente. “Isto foi, certamente, a última coisa que as pessoas pensavam que poderia acontecer a este casal.”

João Nascimento mudou-se para Edmonton durante a juventude. À CBC News, Tony Earring, amigo de longa data do português, contou que este queria ser padre, mas que abandonou os estudos quando conheceu Maria. O casal manteve uma mercearia na zona durante longos anos, abandonando o negócio quando João se reformou. Nunca tiveram filhos.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Depois da reforma, João trabalhou como instrutor de condução, emprego que deixou há cerca de dez anos devido a problemas de saúde. “Ele era um bom homem”, disse Earring. “Estava sempre a falar com as pessoas e era bom para toda a gente.”

Segundo Scott Pattinson, os dois portugueses levavam uma vida sossegada, gostavam de jardinagem e de passar os dias em casa. “Estavam a viver os últimos anos de vida de forma pacífica. É trágico que uma coisa destas lhes tenha acontecido nos seus anos de velhice.”