O técnico do Sporting, Jorge Jesus, admitiu hoje que poderá fazer algumas alterações no ‘onze’ titular frente ao Rio Ave, num jogo de futebol que será “diferente e mais difícil” do que o duelo com Real Madrid.

“Vamos ser mais apertados do que fomos em Madrid. Os jogos em Vila do Conde são difíceis e este também vai ser de certeza. O Sporting está preparado para as dificuldades e vai arranjar soluções para sair de lá vencedor. Queremos continuar a defender o primeiro lugar”, afirmou Jorge Jesus.

O treinador, de 62 anos, falava aos jornalistas no Estádio José Alvalade, na conferência de imprensa de antevisão do encontro de domingo com o Rio Ave, da quinta jornada da I Liga portuguesa.

“Poderá ter que haver alguma rotatividade. Amanhã [domingo] temos um treino e ainda vou ver como alguns jogadores se encontram não só a nível físico mas também a nível emocional”, explicou.

Para Jesus, o Sporting “está a melhorar de mês para mês” e em Vila do Conde pretende continuar o percurso “bonito e interessante” que esta a realizar no campeonato.

“No seu estádio, o Rio Ave cria uma dinâmica forte e estamos preparados para sentir algumas dificuldades em alguns momentos do jogo. Tenho o mesmo respeito pelo Rio Ave do que tenho pelo Real Madrid”, disse o técnico ‘leonino’.

Questionado sobre se, atualmente, o Sporting tem o melhor plantel dos “três grandes”, Jesus considerou que tem sim a “melhor equipa a jogar em Portugal”.

“Melhor plantel não. Tenho uma equipa trabalhada por mim e por isso é que é a melhor de Portugal”, frisou.

O Rio Ave-Sporting está agendado para as 20h15 e terá arbitragem de João Pinheiro, da Associação de Futebol de Braga.