A IKEA é uma empresa conhecida em todo o planeta e, por isso, aproveitou o seu mediatismo para fazer mais do que vender mobiliário e decoração: aliou-se a uma campanha da Cruz Vermelha que apela à sensibilização para com a situação na Síria. Deste modo, numa das suas lojas mais importantes, na Noruega, a empresa montou a réplica de uma casa que existe na periferia de Damasco, segundo avança o Lavoz Del Muro.

O objetivo principal da campanha é, como não poderia deixar de ser, sensibilizar para a situação vivida na Síria e mostrar ao mundo quais as consequências da guerra. A campanha dá pelo nome de “25 metros quadrados na Síria”. Através desta ação, faz-se o apelo para que as pessoas ajudem e se juntem à causa, colaborando com o evento beneficiário organizado pela TV-Aksjonen.

A casa montada na loja norueguesa não é feita ao acaso. Trata-se de uma réplica da casa de uma mulher chamada Rana que vive na periferia de Damasco. Com apenas 25 metros quadrados, vivem nela nove pessoas. Cada objeto existente dentro da réplica tem uma etiqueta, das que usualmente são usadas nos objetos do IKEA, que, por sua vez, apelam a que se façam donativos.

Exemplo da destruição vivida na guerra da Síria

Exemplo da destruição vivida na guerra da Síria

Tudo é pensado ao pormenor, por forma a ilustrar a dura realidade de quem vive na Síria: blocos de cimento a cair, eletrodomésticos destruídos e bonecos de crianças espalhados pela casa são alguns exemplos. Veja o vídeo da campanha:

https://www.youtube.com/watch?v=ZBZBJDcO7kE