Um cidadão português foi assassinado por desconhecidos na última noite na sua residência nos arredores de Maputo, informou esta quinta-feira à Lusa o cônsul-geral de Portugal na capital moçambicana.

O homicídio do empresário português radicado em Moçambique há oito anos ocorreu em circunstâncias ainda pouco claras, havendo apenas a indicação de que se tratou de “um crime violento“, segundo Frederico Pinheiro da Silva, que remeteu detalhes sobre o caso para mais tarde.

O Consulado está em contacto com as autoridades moçambicanas e com a família.