O Estado Islâmico reivindicou a autoria do tiroteio na Universidade de Ohio através da sua agência noticiosa, Amaq. De acordo com a informação colocado numa página no Twitter, o grupo extremista afirmou que foi um dos soldados do Estado Islâmico, Abdul Razak Ali Artan, a matar uma pessoa durante o ataque da última segunda-feira.

https://twitter.com/Lysandres/status/803672794697371648

Abdul Razak Ali Artan tem 18 anos e atropelou várias pessoas com o carro em que seguia, antes de perseguir e esfaquear várias pessoas junto ao campus universitário com uma faca de talhante. Dias antes, terá dado pistas que iria preparar um ataque através do Facebook, onde escreveu que tinha chegado ao seu “ponto de ebulição”.