Numa altura em que a mais recente geração do modelo, na variante hatchback, é aguardada na Europa, a Kia volta a surpreender, ao dar a conhecer na China um Rio sedan. Apesar de apresentado naquele país, a verdade é que esta proposta promete não se limitar ao mercado chinês, uma vez que, segundo avança o site Motor1.com, uma versão americana tem já garantida comercialização não só nos Estados Unidos da América, como também no Brasil.

Ao contrário do sedan chinês, que será produzido localmente pela joint-venture Dongfeng Yuda Kia e comercializado com o nome K2, as versões para o continente americano sairão da fábrica que a marca sul-coreana possui no México. Sendo que a chegada, tanto ao mercado norte-americano, como ao brasileiro, deverá ter lugar já em 2017.

Relativamente ao modelo apresentado agora no Salão Automóvel de Guangzhou e que antecipa desde já o visual do Rio “ocidental”, diferencia-se do hatchback, desde logo, na secção frontal, mercê de um pára-choques e grelha mais elaborados. Ao mesmo tempo, exibe um comprimento aumentado em 22 mm (4.400 mm) face ao hatchback, a par de uma distância entre eixos de 2.580 mm.

Na versão chinesa, o modelo estará disponível com duas motorizações a gasolina, 1.4 de 100 cv e 1.6 de 123 cv. A primeira pode receber tanto uma caixa manual como automática, ao passo que a segunda estará disponível apenas com transmissão automática.