Yuri Eliseev, de 20 anos, era um dos grandes mestres no mundo do xadrez e morreu, no passado sábado, pelas 23h30, ao cair de um 12º andar de um prédio em Moscovo, Rússia. O jovem, que era fã da atividade radical conhecida como parkour, que consiste em saltar e trepar em espaços urbanos, como muros ou prédios, acabou por morrer ao praticar o desporto.

Segundo avança a Blogs ABC, o jovem estava a tentar saltar de uma janela para uma varanda, acabando por cair. O jovem estava acompanhado de mais amigos. Eliseev tinha sido, em 2012, campeão mundial de xadrez na categoria dos 16 anos. Nesse mesmo ano, tinha-se também consagrado campeão russo, na mesma categoria. Em 2013 conseguiu o título de “grande mestre”. Em 2015, foi campeão numa prova em Moscovo.

A Federação Russa de Xadrez confirmou a morte e dirigiu condolências à família do jovem.