318kWh poupados com o
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo MEO

Veja as melhores ofertas de telecomunicações aqui.

Chapecoense. Alan Ruschel disse ao pai que não se lembra do que aconteceu no avião

Este artigo tem mais de 4 anos

O pai do jogador do Chapecoense que sobreviveu à queda do avião na Colômbia diz que o filho não se lembra do que aconteceu a bordo do avião. Noiva diz que Alan Ruschel "está super bem".

i

Captura de ecrã do instagram de Axi Ruschel

Captura de ecrã do instagram de Axi Ruschel

Alan Ruschel, 27 anos, é um dos sobreviventes da tragédia que envolveu o clube brasileiro Chapecoense e que tirou a vida a 71 pessoas, na Colômbia. Já consciente, o lateral brasileiro disse ao pai que não se lembra do que aconteceu a bordo do avião em que a equipa se deslocava para jogar a final da Taça Sul-Americana. A irmã de Alan conta o episódio numa foto que publicou na rede social Instagram.

Palavras do meu pai: "Estou muito feliz com a recuperação do meu filho. Está desinchando, está respirando sem ajuda de aparelhos, retiraram essa madrugada, já está comendo sem ajuda de sonda e depois de muitos dias de angústia, consegui ouvir a voz dele novamente. Me perguntou quando iria voltar pra casa, o que tinha acontecido, se mais alguém havia se machucado. Perguntei se lembrava de algo e disse que não. Sabe que veio jogar na Colômbia. Lhe disse que haviam feito um pouso forçado, que Follman e Neto estão aqui no hospital também é que estão bem. Mostrei um vídeo que minha família mandou pra ele e ficou feliz. Só tenho a agradecer a Deus por tudo que tem nos proporcionado. Mais uma vez agradeço pelas orações e pela torcida de vocês, que nesse momento nos dá muita força. Grande abraço a todos." #forçafamíliachape #forçachape

Uma foto publicada por Alissen Ruschel (@axi_ruschel) a

Ao brasileiro G1, Axi Ruschel diz que o irmão está a progredir, que conversa com o pai e com a noiva, mas que não se lembra do que acidente, só do facto de estar a viajar para ir jogar a final da Taça Sul-Americana. A noiva Marina Storchi acrescentou que o jogador está “super bem, mexeu mão, pé, levantou, está ótimo”.

Alan Ruschel nasceu no Rio Grande do Sul e joga como lateral-esquerdo no Chapecoense, depois de ter sido emprestado pelo Sport Club Internacional. Foi o primeiro passageiro a ser resgatado após o acidente, tendo integrado a unidade de cuidados intensivos da Clínica Somer, na Colômbia.

Este sábado, os corpos das 71 vítimas mortais chegaram à Arena Condá, o estádio da Associação Chapecoense, para uma homenagem que contou com 100 mil adeptos do clube, debaixo de chuva. O presidente brasileiro Michel Temer entregou uma medalha de mérito desportivo a um familiar de cada vítima do desastre aéreo.

A página está a demorar muito tempo.