Realizou-se no passado domingo, dia 11 de dezembro, o 59º Grande Prémio Natal EDP, numa iniciativa conjunta com o Maratona Clube de Portugal. O percurso de 10 quilómetros teve início no Hospital da Luz e decorreu até aos Restauradores e juntou 7500 pessoas, num acréscimo de 2500 inscrições relativamente à edição do ano passado, também patrocinada pela EDP. Quem não quis correr, participou em forma de caminhada. A TVI, enquanto media partner, transmitiu a iniciativa em direto.

corrida

“Apoiamos esta prova pelo segundo ano consecutivo e a mesma resulta num duplo alinhamento: se por um lado, apoiamos a prática de desporto ao ar livre e levamos as pessoas a saírem da sua zona de conforto, por outro, associamo-nos a uma causa de responsabilidade social”, explica Ana Sofia Vinhas, diretora de marca da EDP.

Por cada inscrição, a organização entregou 1€ à Casa de Lisboa da Acreditar (Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro). O total de 7500€ irá suportar os custos de 200 noites para crianças com cancro e seus familiares que pernoitam na casa.

A Acreditar assegura assistência temporária a crianças com cancro e às suas famílias ali alojadas durante os tratamentos a que estão sujeitas no Instituto Português de Oncologia de Lisboa, Francisco Gentil. “Estas famílias precisam de um apoio tão simples, como o alojamento, mas também de auxílio jurídico, social e até psicológico. São várias as famílias que algumas vezes se juntam numa mesma casa e acabam por partilhar experiências”, reforça a responsável.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A associação acolheu 236 famílias no ano de 2015 e necessita regularmente de donativos. São muitas e variadas as formas de “ajudar a acreditar” para fazer face aos pedidos que recebe. Com duas casas de acolhimento, uma em Lisboa e outra em Coimbra, a associação irá inaugurar um novo espaço, no Porto, daqui a três meses.

Solidariedade todo o ano

As ruas de Lisboa encheram-se de cor, numa corrida solidária que acabou por ganhar com o espírito natalício, embora a empresa apoie instituições ao longo de todo o ano. “A EDP não acorda para a responsabilidade social apenas no natal. Através da Fundação EDP e do Programa ‘EDP Solidária’, apoiamos pessoas e comunidades em situações mais desfavoráveis durante todo o ano”. A conhecida festa do desporto converteu-se assim num momento de apoio a quem mais precisa.

Hélio Gomes, atleta do Sporting Clube Portugal, foi o vencedor da prova, na categoria masculina, e Dulce Félix, do Sport Lisboa e Benfica, venceu na feminina. Os atletas do mesmo clube, Hermano Ferreira e Tiago Costa, subiram também ao pódio, no segundo e terceiro lugares, respetivamente.