O Fórum Político e Estratégico que Donald Trump lançou no início do mês conta com três membros novos: Travis Kalanick, presidente da Uber; Elon Musk, presidente da SpaceX e da Tesla; e Indra Nooyi, líder da PepsiCo. São agora 19 os conselheiros de Trump.

“A América tem as empresas mais inovadoras e vibrantes do mundo, e os presidentes que se juntam ao Fórum hoje são líderes de topo nas áreas em que atuam”, afirmou Donald Trump em comunicado. “A minha administração vai trabalhar em conjunto com o setor privado para melhorar o clima empresarial e torná-lo atrativo para que as empresas possam criar mais emprego nos Estados Unidos, de Silicon Valley a todo o lado”, acrescentou.

No início do mês, o presidente norte-americano anunciou a criação de um fórum, presidido por Stephen A. Schwarzman, líder da Blackstone e composto por “alguns dos homens de negócios mais respeitados e de sucesso”. O objetivo é que estes membros possam partilhar o seu conhecimento e experiências “frequentemente” com o presidente, à medida que ele vai acertando a agenda económica do país.

Entre os membros do Fórum, contra-se a presidente da General Motors, Mary Barra, da JPMorgan Chase & Co, Jamie Dimon, da IBM, Ginni Rometty, ou Doug McMillon, presidente da Wal-Mart Stores.

No início do mês, Donald Trump utilizou o Twitter para avisar as empresas que queiram mudar-se para outro país, que os seus produtos vão ser taxados a 35% nos EUA. “É um erro que lhes vai sair caro”, afirmou o presidente norte-americano.