O Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) deferiu, esta sexta-feira, a queixa do Real Madrid contra o Benfica, pela transferência de Ezequiel Garay.

O Benfica vendeu, em 2014, o central argentino Ezequiel Garay ao Zenit por seis milhões de euros. Pela venda, o Real Madrid recebeu três milhões por ter 50% dos direitos do jogador. No entanto, o clube espanhol considerou o valor muito abaixo do que o jogador vale, existindo outras propostas mais vantajosas como o Bayern de Munique disposto a pagar 15 milhões de euros por Garay.

O Real Madrid mostrou-se descontente com a situação e decidiu apresentar queixa mas o Benfica sempre considerou o negócio justo e, segundo Record, até teve o jogador como testemunha em tribunal.