Pode ser o golpe final nos rebeldes sírios: o regime de Bashar al-Assad diz ter o controlo total da cidade de Alepo, avançam a CNN e o Washington Post. O anúncio foi feito através da televisão estatal síria e pode ser a maior vitória do Governo sírio em cinco anos de Guerra Civil, já que esta era uma cidade estratégica e simbólica para os rebeldes que contestavam o regime ditatorial de Assad. As pessoas já festejam nas ruas.

Um comunicado do exército sírio diz que “graças ao sangue dos nossos mártires e aos sacrifícios das nossas valorosas forças armadas e ainda das forças suplementares e aliados (…) o comando geral das forças armadas anuncia o regresso da segurança a Alepo após a sua libertação do terrorismo e dos terroristas e a retirada dos que ainda permaneciam”

No mesmo comunicado, o exército sírio destaca que “esta vitória representa uma reviravolta estratégica” na “guerra contra o terrorismo” e que estão agora criadas “as bases de uma nova fase de caça ao terrorismo em todo o território da República Árabe da Síria”.

Desde novembro que o exército de Assad tem vindo a ter importantes ganhos territoriais, impulsionados pelos bombardeamentos de tropas russas, iranianas e fiéis a Assad. Desde o início da guerra civil, estima-se que 400 mil sírios já terão sido mortos e 4,81 milhões terão abandonado o país.