O El Gordo tem muitas histórias. Algumas histórias engraçadas, algumas invulgares. E tudo por causa de um bilhete: o número 66513.

O primeiro prémio da lotaria de Natal espanhola com este número saiu num lar, e Pepa, uma das residentes com 92 anos, foi a grande sortuda. No entanto, o prémio também chegou à sede do PSOE, mas por maus motivos, visto que nem todos os trabalhadores puderam usufruir dele.

A sorte não escolhe idades

O primeiro prémio do El Gordo saiu numa casa de repouso, em Madrid, e uma das grandes sortudas foi Pepa, com 92 anos. De acordo com o El Español, Pepa ganhou três décimos do prémio, 1.200 milhões de euros, com o número 66513.

“Em 13, o número acaba em 13!”, gritavam os idosos, na Residência e Centro de Dia Peñuelas, quando o primeiro prémio foi anunciado, por volta das 12h locais (11h em Portugal continental). Afinal, o número do azar converteu-se no número da sorte.

A casa de repouso tinha a tradição de apostar no El Gordo há 14 anos, desde 2002, sempre com o número – 66513 -. No entanto, este ano foi o primeiro em que essa tradição foi quebrada e, quem quisesse jogar, tinha de apostar por si mesmo. E foi isso mesmo que Pepa fez.

O que é o El Gordo?

Mostrar Esconder

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O El Gordo, tradição espanhola desde 1812, é uma das lotarias de Natal mais antigas do mundo. Por cada número são colocados à venda dez bilhetes iguais, sendo que as pessoas podem comprar os que quiserem. Por exemplo, podem ser comprados quatro em dez bilhetes com número igual. Neste caso, quatro décimos (como se costuma chamar cada cautela). Caso compre a totalidade dos décimos, ou seja, as dez cautelas, gastará 200 euros, pois cada uma tem um valor de 20 euros.

“Como fui operada e só consigo andar com a ajuda de um andarilho pedi ao meu filho para comprar a cautela por mim”, conta Pepa ao El Español.

Quando questionada pelo jornal espanhol acerca do destino que vai dar ao dinheiro, a idosa revela que a sua prioridade é comprar um casaco e umas calças, confessando que a sua roupa já está “velha”. Depois disso, afirma ainda que vai organizar uma refeição “em grande” com a sua família.

No entanto, Pepa tenciona ainda repartir o dinheiro pelos seus dois filhos, seis netos e nove bisnetos, mas “com condições”. “Quero que gastem o dinheiro nos estudos, isso é o mais importante”, afirma Pepa.

No Twitter, Pepa já é chamada carinhosamente de “avó da lotaria”.

https://twitter.com/EP_ESP_24Horas/status/812225507655876608

A polémica causada pelo El Gordo no PSOE

Uma notícia que, em princípio, iria fazer muita gente feliz, acabou por criar confusão e polémica na sede do partido socialista espanhol.

Tudo começou porque os cinco décimos do prémio do PSOE, também com o número 66513, não foram distribuídos por todos os trabalhadores. Segundo o El Mundo, dois desses décimos do prémio foram repartidos em ações e os outros três foram distribuídos apenas pela administração. Depois disto, a polémica instalou-se entre os trabalhadores do partido, que se questionaram porque é que o valor do prémio não foi distribuído entre todos e só entre alguns deles.

No entanto, esta controvérsia do PSOE foi contrastada no Twitter, onde o partido remeteu que este prémio beneficiou muitos trabalhadores e o considera um “grande final para um ano difícil”.