O Governo da Coreia do Sul acredita que a Coreia do Norte conseguiu armazenar, ao longo do tempo, cerca de 50 quilos de plutónio. Esta quantidade é o que basta para construir cerca de dez bombas nucleares. O Livro Branco da Defesa 2016, que foi publicado esta quarta-feira, pelo governo sul-coreano, mostra precisamente isso, conta o El Mundo.

Segundo o Livro Branco bianual de 2014, o governo contava, pelo menos, menos dez quilos de plutónio do que agora. Segundo afirma o El Mundo, a Coreia do Sul decidiu retirar do relatório de 2016 que a Coreia do Norte é capaz de, facilmente, ameaçar o território americano com mísseis de alcance intercontinental. Ainda assim, afirmam que a tecnologia e o equipamento de mísseis da Coreia do Norte estão muito avançados, sem que, no entanto, entrem em detalhes sobre o seu nível de sofisticação.

Este relatório bienal é publicado pouco tempo depois de Kim Jong-Un, líder norte-coreano, dizer no seu discurso de Ano Novo que o país estava pronto para realizar testes de lançamento de mísseis, ação que já foi condenada pela ONU.