As vendas conjuntas das unidades de retalho da Sonae subiram 7,2% em 2016, face a 2015, e “superaram pela primeira vez os 5.000 milhões de euros”, de acordo com os dados preliminares esta quarta-feira divulgados pela empresa.

Em comunicado, a Sonae adianta que as vendas preliminares no retalho ascenderam a 5.198 milhões de euros no ano passado, “com todos os negócios a contribuir positivamente, nomeadamente a Sonae MC e a Sonae SR”.

No quarto trimestre, as vendas da Sonae retalho avançaram 8,8% para 1.452 milhões de euros.

Os negócios de retalho da Sonae aceleraram o seu crescimento em 2016, com todas as unidades a contribuírem positivamente para o aumento das vendas. Este desempenho traduziu a constante melhoria da proposta de valor, a expansão dos formatos de comodidade, o sucesso dos novos conceitos de loja, a aposta no omnicanal, o reforço de portefólio de negócios e a crescente internacionalização das insígnias da Sonae”, explicou a Sonae.

No caso da Sonae MC, área de retalho alimentar na qual está o Continente, esta registou um aumento de 5,6% das vendas no ano passado, face a igual período homólogo de 2015, para 3.687 milhões de euros, e uma subida de 6,6% do volume de negócios no último trimestre, para 1.002 milhões de euros, “num desempenho impulsionado pelo crescimento de vendas no universo comparável de lojas”.

No ano passado, a área de retalho alimentar lançou o primeiro supermercado dedicado à alimentação saudável Go Natural.

Por sua vez, o volume de negócios da Sonae SR subiu 11,2% em 2016, face a 2015, para 1.439 milhões de euros, “suportado pelo crescimento” das vendas “da Worten e da divisão de Sports and Fashion”. No último trimestre, as vendas subiram 14,4% para 432 milhões de euros.

O volume de negócios da Worten subiu 2,1% para 910 milhões de euros, sendo que as receitas ‘online’ aumentaram mais de 50% em dezembro passado.

As vendas da Sports and Fashion, divisão que tem as marcas Sport Zone, MO, Zippy, Losan e Salsa, cresceram 31,3%.

Estou particularmente satisfeito com os resultados alcançados em 2016″ afirmou o presidente executivo da Sonae MC, Luís Moutinho, sobre o retalho alimentar, citado no comunicado.

“Fomos capazes de aumentar o volume de negócios em 5,6% e de reforçar a nossa liderança, apesar do contexto de mercado bastante desafiante. Este crescimento foi impulsionado por uma variação de vendas no universo comparável de lojas de 1,9%, ao mesmo tempo que continuámos a apostar na expansão das nossas lojas urbanas Continente Bom Dia, e na melhoria contínua da nossa proposta de valor e perceção de preço”, acrescentou.