A GNR registou na madrugada deste sábado 79 acidentes, que causaram um morto e dois feridos graves, e deteve 24 pessoas em flagrante delito por conduzirem com excesso de álcool, tráfico de droga ou não terem carta de condução.

Em comunicado, a GNR dá conta da atividade operacional das últimas 12 horas, durante as quais registou 79 acidentes, que causaram a morte a uma pessoa, dois feridos graves e 17 feridos leves.

Vinte e quatro pessoas foram detidas em flagrante delito, 20 por condução sob o efeito do álcool, dois por tráfico de estupefacientes e um por condução sem habilitação legal.

A GNR detetou ainda 733 infrações, sendo que 292 foram por excesso de velocidade, 40 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução, 39 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei e 32 por falta de inspeção periódica obrigatória.

Foram também apreendidas 84 doses de haxixe.

Além da sua atividade operacional diária, a GNR levou a cabo este conjunto de operações, em todo o território nacional, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 de sábado, com o objetivo de prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras.