O ministro do Interior da Áustria disse esta quinta-feira que as autoridades policiais estão a proceder a operações contra suspeitos de radicalismo islâmico “em duas cidades do país”.

Por outro lado, o porta-voz do ministério, Karl-Heinz Grundboeck, acrescentou que os pormenores sobre a ação da polícia austríaca só vão ser divulgados depois de elaborada uma primeira avaliação referente às duas operações.

As primeiras declarações do Ministério do Interior só aconteceram depois de vários meios de comunicação social austríacos terem noticiado buscas da polícia na capital e na cidade de Graz, no sul do país. Há menos de uma semana, a polícia deteve um jovem de 17 anos, em Viena, acusado de estar envolvido com grupos “radicais salafistas” que supostamente estariam a “montar uma bomba”.