França

Várias marcas de tabaco de luxo vão ser proibidas em França

O Governo Francês decidiu proibir a venda das marcas de tabaco consideradas "chiques". Nos cigarros de enrolar, haverá um aumento de cerca de 1,50 euros.

Para Marisol, o aumento do preço do trabalho é importante para a saúde pública, pois pressupõe uma quebra no seu consumo

Lusa

A Ministra da Saúde francesa, Marisol Touraine, anunciou esta terça-feira que o Governo decidiu proibir “várias marcas” de tabaco, cujos nomes serão revelados esta quarta-feira, no Diário Oficial. As marcas proibidas serão aquelas que “dão a impressão de que fumar é chique”, afirmou a Ministra, segundo conta o jornal espanhol ABC.

Para além desta proibição, a minsitra acrescentou que vai haver um aumento de um euro e meio no preço dos cigarros de enrolar, mas não nos maços de tabaco, pelo menos a curto prazo. “Os aumentos virão, mas mais tarde, porque a indústria tem-se conseguido esquivar às regras de aumento. Mas eu não o vou permitir.”

Para Marisol Touraine, o aumento do preço do tabaco é importante para a saúde pública, pois pressupõe uma quebra no seu consumo.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)