Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A conhecida marca de cerveja alemã “Budweiser” partilhou, esta terça-feira, o seu mais recente anúncio que irá passar no intervalo da Super Bowl, dia 5 de fevereiro, e que conta a jornada ambiciosa de um dos seus fundadores: um imigrante alemão.

“Born The Hard Way” resume, em 60 segundos, a viagem de Adolphus Busch que partiu de Hamburgo, Alemanha, rumo a Nova Orleães, nos Estados Unidos, para perseguir o “American Dream” e criar a cerveja, durante o século XIX. A marca explica que a mensagem é “não desistir das crenças e sonhos”. Mas a mensagem é obviamente mais do que isso, principalmente numa altura em que toda a América discute as políticas de imigração que Donald Trump já está e ainda quer levar a cabo.

A jornada de Adolphus Busch não foi fácil, desde as condições da viagem até à discriminação de que foi alvo nos Estados Unidos. Mas não desistiu e, no final, conseguiu atingir o sucesso. A “Budweiser”, a marca de cerveja norte-americana mais famosa no mundo, é a prova disso.

Este anúncio foi criado especialmente para o intervalo da grande final da NFL, a liga de futebol americano, que é acompanhada por milhões de espectadores no mundo inteiro e é por isso um espaço comercial cobiçado pelas grandes marcas, que fazem campanhas publicitárias apenas para aquele momento.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

George Bush pai lança moeda na Super Bowl

O ex-presidente americano George H. W. Bush é a personalidade escolhida para a moeda ao ar que determina quem escolhe o campo ou a posse de bola na Super Bowl. Bush pai esteve recentemente internado e recebeu alta hospitalar há poucos dias. A sua mulher Barbara Bush também estava internada no hospital devido a uma pneumonia.

O comissário da National Football League, Roger Goodell, garantiu que o ex-presidente e a mulher estão muito entusiasmados e honrados por participar no evento.