A empresa de moda de luxo Farfetch vai repartir 40 milhões de dólares (37 milhões de euros) pelos 1300 colaboradores que tem distribuídos por 11 escritórios no mundo. A “Farfetch Para Todos” é a iniciativa da empresa liderada por José Neves que mais investimento reuniu até à data e vigora desde 1 de fevereiro.

“Temos tido um sucesso notável. A Farfetch tem vindo a remodelar o papel da tecnologia no sector da moda de luxo. Ao fazermos isto tornámo-nos numa das 200 empresas privadas mundiais a conseguir atingir uma valorização de mais de mil milhões de dólares”, refere José Neves, cofundador e líder da empresa.

De acordo com José Neves, “estamos muito orgulhosos das nossas conquistas e queremos premiar os colaboradores que nos ajudaram a chegar até aqui. A cultura e os valores da nossa empresa foram construídos em torno da importância de trabalhar em conjunto e aspirar a uma visão comum”.

A Farfetch é o único unicórnio (empresa que está avaliada em mais de mil milhões de dólares) com origem portuguesa e atua na área da moda de luxo. Com parcerias com mais de 400 das melhores lojas de moda de luxo do mundo, fornece aos clienets peças de vestuário de mais de 100 designers. Os parceiros da Farfetch estão em mais de 38 países, em cidades como Paris, Nova Iorque, Bucareste, Kuwait e Tóquio.

“Ao lançar o “Farfetch Para Todos” (“Farfetch For All”) estamos a reforçar esta mensagem para todos os nossos colaboradores e a premiar todos os que participaram nesta caminhada, esperando atrair novos talentos que abracem estes valores enquanto olhamos para o futuro”, diz José Neves em comunicado.

A Farfetch aumentou a faturação em 70% em 2016. Fundada em 2008 por José Neves, fechou uma ronda de investimento de série F no valor de 110 milhões de dólares e oferece serviços em mais de 190 países.