As letras negras no pilar marcam o tempo: “Ponte Salazar”. A baixa lisboeta cheia de carros em tudo o que é rua, numa ocupação que se estende até à Praça do Comércio (na altura, o nome também era outro, chamava-se Terreiro do Paço). São imagens da capital meses antes de uma Revolução que pôs fim a décadas da ditadura.

O vídeo foi publicado na página Facebook Lisbon’s Heritage, que regularmente partilha fotos e outros vídeos da cidade e arredores.

Vídeo amador de Lisboa filmado, provavelmente, por turistas alemães no Verão de 1973.Neste curto filme é possível ver vários aspectos curiosos da capital portuguesa desse tempo, como a enorme quantidade de veículos automóveis na Praça do Comércio, a Rua Augusta ainda aberta ao trânsito e a Praça do Rossio sem a sua característica calçada ondulada e com o teatro nacional D. Maria II ainda em obras de reconstrução após o terrível incêndio de 1964.Talvez o pormenor mais delicioso desta filmagem sejam as panorâmicas do alto do elevador de Santa Justa sobre a Baixa Pombalina com o seu trânsito pontuado pelos desaparecidos autocarros de 2 andares.De seguida somos levados até Alcântara onde a Ponte 25 de Abril ainda tinha o nome de Salazar.Em Belém, para além da Torre de S. Vicente e do Mosteiro dos Jerónimos, ex-libris da cidade, vemos também o padrão dos descobrimentos inaugurado apenas 13 anos antes.De regresso ao centro da cidade percorremos a Feira da Ladra junto à igreja de Santa Engrácia que havia sido concluído somente em 1966.O filme termina com uma perspectiva da Praça do Comércio e da então Ponte Salazar, a partir do rio Tejo.Filme disponibilizado no Youtube pelo user 8mmFreak—–Amateur video of Lisbon, probably made by german tourists in the summer of 1973.In this short film you can see several aspects of the portuguese capital back then, such as the huge amount of cars parked at Praça do Comério (Comércio Square), Rua Augusta (Augusta Street) still open to traffic and Rossio (Rossio Square) without its well known wavy sidewalk and the National Theatre still in reconstruction works after the terrible fire of 1964.Perhaps the most special detail in this footage is the panoramic view from the top of the Santa Justa's Lift over Lisbon's downtown with its traffic punctuated by the extinct doble-decker buses.Then we are led to Alcântara district where the bridge 25th of April still had the name of Salazar, the portuguese dictactor between 1932 and 1968.At Belém district, besides St. Vincent's tower and the hieronymite monastery, landmarks of the city, we can also see the monument dedicated to the portuguese discoveries inaugurated only 13 years before.Returning to the city center we cross Feira da Ladra (thieves market) next to Santa Engracia church, which construction last from 1682 to 1966.The film ends with an view from the Tagus river over Comércio Square and Salazar bridge.Movie available on Youtube by user 8mmFreak

Posted by Lisbon's Heritage on Saturday, January 16, 2016

(se estiver a ler esta peça na app do Observador, clique neste link)

As imagens, esclarece a administração da página, devem ter sido gravadas “por turistas alemães no verão de 1973”.

“Neste curto filme é possível ver vários aspetos curiosos da capital portuguesa desse tempo, como a enorme quantidade de veículos automóveis na Praça do Comércio, a Rua Augusta ainda aberta ao trânsito e a Praça do Rossio sem a sua característica calçada ondulada e com o teatro nacional D. Maria II ainda em obras de reconstrução após o terrível incêndio de 1964”, refere a descrição do vídeo.

Há ainda imagens de Alcântara, Belém, da “Ponte Salazar”, da Feira da Ladra, do Elevador de Santa Justa, entre outros lugares.