A conhecida apresentadora de televisão Oprah Winfrey terá vendido um quadro do pintor austríaco Gustav Klimt (1862-1918) por 150 milhões de dólares, o equivalente a 140 milhões de euros, escreve a Bloomberg.

Winfrey, que segundo a Forbes tem uma fortuna avaliada em 2,7 mil milhões de euros, comprou o quadro “Retrato de Adele Bloch-Bauer II” em 2006 na Christie, em Nova Iorque, por 87,9 milhões de dólares (cerca de 83 milhões de euros). Desde então, o valor da pintura cresceu 71%.

Antes desta venda a um comprador chinês, que terá acontecido algures em 2016, outro quadro da autoria de Klimt foi vendido por uma quantia considerável de dinheiro: o bilionário russo Dmitry Rybolovlev vendeu “Serpentes de Água” por 170 milhões de dólares em novembro de 2015. Ambos os quadros com a assinatura de Gustav Klimt tiveram como destino o continente asiático.

Segundo disse Grace Rong à Bloomberg, ela que aconselha colecionadores de arte asiáticos sobre arte moderna e contemporânea ocidental, o artista austríaco está na lista de algumas pessoas, não só pela estética dos seus trabalhos, mas também pela componente financeira.

De referir que o quadro “Retrato de Adele Bloch-Bauer II” data de 1912 e mostra uma mulher vestida com um robe comprido e justo e ainda um chapéu preto na cabeça — Bloch-Bauer, aqui retratada, era a mulher de um patrono de arte de Viena.

O quadro agora vendido por Oprah foi encontrado entre outras obras de arte que foram saqueadas pelos nazis no decorrer da segunda grande guerra. Mais tarde, o retrato foi devolvido aos herdeiros de Bloch-Bauer.