Os atores Miguel Guilherme, Jorge Mourato e Sandra Faleiro protagonizam “Dois homens completamente nus”, peça que se estreia no dia 23 de março, no Teatro Villaret, em Lisboa.

A ação da peça gira em torno de André Chaves (Miguel Guilherme), advogado conceituado, homem sério, de conduta irrepreensível e reputação imaculada, marido fiel e pai de dois filhos, segundo a descrição do espetáculo.

Por isso, André Chaves fica totalmente incrédulo quando um dia acorda nu no sofá da sua sala, deitado ao lado de outro homem (Jorge Mourato), um advogado da firma onde André trabalha há anos e que também está completamente nu.

As personagens saem, assim, de uma espécie de “blackout”, tendo dificuldade em perceber o que aconteceu e sem que nenhum consiga encontrar uma explicação para o sucedido ou tão pouco lembrarem-se do que poderá tê-los levado aí. O transtorno dos homens aumenta com a entrada da mulher de André Chaves em cena (Sandra Faleiro).

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Perante a sua total incapacidade de justificar e compreender a sua presente situação, André Chaves “vai inventar tudo para tentar salvar o seu casamento e provar uma verdade que o próprio não sabe qual é”, pode ler-se na sinopse.

“Dois homens completamente nus” é um texto do comediante e dramaturgo francês Sébastien Thiéry que foi levado à cena pela primeira vez em 2014. A peça valeu-lhe a nomeação para os prémios Molière em 2015. O elenco integra ainda Susana Blazer.

A peça vai estar em cena de quinta-feira a domingo, com espetáculos de quinta-feira a sábado, às 21h30 e aos domingos, às 16h30.