292kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Poupe na sua eletricidade com o MEO Energia. Simule aqui.

Atacante com machado faz sete feridos na Alemanha

Este artigo tem mais de 4 anos

Várias pessoas foram feridas numa estação de comboios de Dusseldorf, depois de um ataque com um machado. Foi detido um suspeito, nascido na ex-Jugoslávia, de 36 anos.

5 fotos

Um ataque com um machado fez sete feridos (três graves e quatro ligeiros) na noite desta quinta-feira, na estação principal de comboios em Dusseldorf, na Alemanha. A polícia começou por dizer que tinham sido detidas duas pessoas para interrogatório, mas a informação foi corrigida mais tarde: apenas uma pessoa foi detida. O porta-voz da polícia alemã, Rainer Kerstiens, disse que poderiam existir mais suspeitos em fuga.

Em comunicado, citado pela The Associated Press, a polícia diz que o ataque não tem causa aparente, que se trata de “um homem, armado com um machado, que atacou pessoas aleatoriamente”. “Pelo menos cinco pessoas foram feridas, uma com muita gravidade”, que está a ser observado num hospital, explicam as autoridades alemãs.

Mais tarde, em comunicado, a polícia de Dusseldorf explicou que o suspeito é um homem de 36, nascido na ex-Jugoslávia, e que aparentava sofrer de distúrbios mentais.

O suspeito foi detido depois de tentar saltar de um viaduto perto da estação de comboios. O RT, que cita o jornal alemão Bild, fala em mais duas pessoas em fuga. Os motivos do ataque ainda não são conhecidos nem a identidade dos suspeitos, apesar da vasta presença policial no local. O presidente da Câmara Municipal da cidade, Thomas Geisel, já está no local.

Além da muita força policial que está presente no local, há um helicóptero a sobrevoar toda a área da estação. Os relatos no local, conta o The Telegraph, falam de um “homem enlouquecido”. O ataque ocorreu por volta das 21h locais. Ao alemão Bild, uma das pessoas que assistiram ao ataque disse que estava na plataforma da estação, à espera do comboio, quando “de repente, alguém saltou com um machado a atacar as pessoas. Havia sangue por todo o lado”.

O Deutschwelle descreve um primeiro momento em que o homem atacou vários passageiros que seguiam a bordo de um comboio. Depois, terá passado para as plataformas da estação de Dusseldorf, onde continuou o ataque, para terminar depois no átrio principal da estação.

As causas do ataque ainda não são conhecidas e a polícia alemã já alertou as pessoas, através de um tweet, para que não entrem em especulações. A agência Reuters cita um polícia alemão a dizer que não estavam a descrever o ataque como sendo de “terror”.

https://twitter.com/V_of_Europe/status/839946494954389504

A unidade antiterrorista das forças de segurança alemãs encerraram a estação de comboios e aqueles que deveriam estar a parar em Dusseldorf não estão a fazê-lo. Já em julho de 2016, um jovem armado com um machado e uma faca fez, pelo menos, quatro feridos a bordo de um comboio que fazia ligação entre Wurzburg-Heidingsfeld e Ochsenfurt, na Alemanha. O suspeito foi morto pela polícia enquanto tentava fugir. Era um refugiado afegão de 17 anos, que entrou na Alemanha como migrante.

Jovem que usou machado em comboio tinha bandeira do Estado Islâmico

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.