Depois de um interregno de 17 anos, a Toyota decidiu regressar ao Mundial de Ralis, e de forma bastante promissora. E não deixou de aproveitar a oportunidade para voltar a concorrer também no segmento dos pequenos desportivos, através do novo Yaris GRMN (Gazoo Racing Master of Nürburgring), o primeiro a ostentar as cores da sua divisão desportiva Gazoo Racing a ser comercializado na Europa. Aliás, é mesmo produzido em França, tendo o motor e o interior sido projectados pela divisão europeia da marca, e o chassi e o sistema de travagem no Japão.

Disponível apenas na carroçaria de três portas, e proposto numa exclusiva pintura de base branca com apontamentos a vermelho e preto, o Yaris GRMN conta com uma série de elementos específicos inspirados no seu homólogo de ralis que são mais do que meros embelezadores. Notório, o deflector de generosas dimensões montado no topo do portão traseiro, a par dos pára-choques de desenho específico, do difusor traseiro, a ponteira de escape de formato quadrangular montada em posição central e as jantes raiadas BBS de 17”.

Já no habitáculo podem encontrar-se os bancos desportivos criados especificamente para este modelo, o volante de pequeno diâmetro com marca central proveniente do coupé GT86, a pedaleira em alumínio e o painel de instrumentos redesenhado.

Sob o capot está o quatro cilindros de 1,8 litros sobrealimentado por compressor, capaz de oferecer uns saudáveis 210 cv de potência, transmitida às rodas dianteiras através de uma caixa manual de seis velocidades. Dados concretos relativos às prestações ainda não foram divulgados, mas a Toyota sempre vai adiantando que o Yaris GRMN será uma referência, neste particular, na aceleração 0-100 km/h e na recuperação 80-120 km/h efectuada em quarta velocidade.

Confirmando a máxima que a potência de pouco servirá sem o devido controlo, o chassi foi reforçado, ao mesmo tempo que recebeu uma barra anti-aproximação dianteira e uma suspensão revista e rebaixada, com molas mais curtas, amortecedores Sachs e barra estabilizadora de maior diâmetro. Os travões montam discos de generosas dimensões, ventilados e actuados por pinças de quatro pistões na frente, e o diferencial é autoblocante do tipo Torsen.

Ainda sem preços conhecidos, o que promete ser o mais divertido e emocionante dos Yaris tem chegada a Portugal marcada para final do presente ano, estando disponível nos concessionários da Toyota entre Novembro e Dezembro.