A situação no Aeroporto da Madeira está normalizada e a infraestrutura “está praticamente vazia” dos passageiros que foram afetados pelo cancelamento de vários voos este fim de semana devido ao vento forte, disse fonte aeroportuária.

“A situação está normalizada e o aeroporto está praticamente vazio, estando apenas as pessoas que aguardam as partidas dos próximos voos programados”, afirmou a mesma fonte à agência Lusa.

Acrescentou que “ainda está vento, mas as coisas melhoraram muito”, apontando que um voo da TAP teve esta tarde “dificuldades na aproximação à pista e ainda fez duas tentativas antes de conseguir aterrar”.

A mesma fonte referiu que as centenas de passageiros cujos voos foram afetados pelas condições atmosféricas que se registaram sábado e hoje na zona de Santa Cruz, na zona leste da ilha da Madeira “conseguiram resolver as suas situações”.

Também mencionou que desde as 12:00 foram canceladas as chegadas de três voos, nomeadamente um da Lufthansa, proveniente de Lisboa, e outros dois da TRansavia, oriundos da Grã Canária e de Orly (Paris).

Quanto a partidas, foram cancelados cinco voos: um da Easyjet, para Gatwick (Londres), um da Tui, para Estugarda, outro da Lufthansa, para Frankfurt e dois da Transavia, para Orly (Paris) e Amesterdão (Holanda).