As exportações de bens subiram 19,6% em janeiro (17,1% excluindo combustíveis), ao passo que as importações aumentaram 22,3% (14,6% excluindo combustíveis), segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Os dados do INE indicam que houve uma aceleração do crescimento das exportações em relação ao mês anterior. Em dezembro os bens vendidos ao exterior aumentaram 12%, também em termos homólogos, ao passo que as importações tinham aumentado 13%.

“O défice da balança comercial de bens situou-se em 941 milhões de euros em janeiro de 2017, representando um aumento de 252 milhões de euros face ao mês homólogo de 2016. Excluindo os Combustíveis e lubrificantes a balança comercial atingiu um saldo negativo de 535 milhões de euros, que corresponde a uma redução de 5 milhões de euros em relação ao mesmo mês de 2016”, afirma o INE.

Fonte: Instituto Nacional de Estatística (INE)

Os maiores aumentos nas exportações foram para países como Espanha, Alemanha e França, ao passo que as exportações para Itália caíram mais de 2%.

Fonte: INE