A conta no Twitter do gigante de fast-food McDonald’s foi pirateada esta quarta-feira, com os responsáveis pela invasão informática a publicarem na rede social um tweet em nome da empresa qualificando Donald Trump uma “revoltante amostra de Presidente”. E com mãos minúsculas.

Terá sido certamente uma manhã animada para o porta-voz do McDonald’s, Robert Gibbs, o experiente antigo porta voz da Casa Branca nos dois primeiros anos da administração de Barack Obama. Durante cerca de uma hora, segundo a empresa, a conta no Twitter foi pirateada e o(s) autor(es) deixaram esta mensagem a Donald Trump.

O tweet foi eliminado entretanto, com a empresa a explicar que foi notificada pelo Twitter de que a sua conta teria sido pirateada, que a publicação foi apagada e que o caso está a ser investigado.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Donald Trump chegou a aparecer num anúncio televisivo com a mascote da empresa, o palhaço Ronald McDonald, em 2002.