Portugal defronta esta terça-feira a Suécia num particular em que o selecionador Fernando Santos deverá dar minutos a futebolistas menos utilizados e que será o primeiro de Cristiano Ronaldo na Madeira com a camisola das ‘quinas’.

Após 137 jogos e 70 golos, Ronaldo vai finalmente, no Estádio do Marítimo, realizar um jogo pela seleção nacional na ‘sua’ ilha, naquele que será o primeiro jogo de Portugal no Funchal desde 2001. Durante a sua carreira profissional, o avançado atuou apenas duas vezes na Madeira, ambas em 2003, ao serviço do Sporting, quando tinha apenas 18 anos. No Funchal, a seleção nacional bateu por 3-0 Andorra em 2011, na qualificação para o Campeonato do Mundo, empatou com Malta (2-2) em 1987, no apuramento para o Europeu, e em 1977 venceu a Suíça, por 1-0, num particular.

Pela frente, Portugal vai ter uma Suécia a viver o ‘pós Zlatan Ibrahimovic’, já que o avançado deixou de representar o seu país após a participação no Europeu do ano passado. O central Victor Lindelof, que atua no Benfica, lesionou-se durante os treinos com a seleção sueca e vai falhar o jogo.

O jogo na Madeira vai assinalar o 18.º duelo entre Portugal e Suécia e será a nona vez que a seleção lusa vai defrontar os escandinavos em casa, tendo apenas somado uma vitória em território nacional, em 2013.

O Portugal-Suécia está agendado para as 19h45.