O 128.º curso de Comandos, que começa sexta-feira, será constituído por 67 formandos dos 106 candidatos iniciais, verificando-se 4 desistências a pedido e 18 exclusões por “inaptidão médica”, num total de 39 exclusões, divulgou hoje o Exército.

Segundo um comunicado divulgado pelo ramo, por “inaptidão física” ficaram de fora 13 candidatos e por “inaptidão psicotécnica” foram excluídos 4 militares.

Ao todo, foram excluídos 39 candidatos na fase de seleção.

O 128.º curso, que decorre nas instalações da Carregueira, Sintra, e terá a duração de 16 semanas, inicia-se com número igual de formandos ao do curso anterior, 67.

Desse número, segundo o comunicado, há ainda militares “condicionais”, que só saberão se vão frequentar a formação após a “confirmação dos resultados de provas físicas a realizar imediatamente antes do início do curso”.