A administração Trump chamou para esta quarta-feira todos os 100 senadores à Casa Branca para debater a situação da Coreia do Norte. O encontro vai acontecer às 15h00 locais (20h00 em Lisboa).

Segundo a agência Reuters, um encontro com os 100 senadores “não é normal”, principalmente com a presença de quatro oficiais de topo. De acordo com informações avançadas pela mesma fonte, o encontro contará com a presença de Rex Tillerson, secretário de Estado, Jim Mattis, secretário da Defesa, Dan Coats, diretor da Inteligência Nacional e Joseph Dunford, presidente do Estado-Maior Conjunto dos Estados Unidos.

Assessores da Casa Branca disseram que estão a organizar uma sessão semelhante para os membro das Câmara dos Representantes.

Esta reunião vem na sequência das novas ameaças da Pyongyang aos Estados Unidos. Esta segunda-feira, a Coreia do Norte ameaçou afundar o porta-aviões USS Carl Vinson se os Estados Unidos insistirem nas investidas estratégicas na região.

Coreia do Norte faz nova ameaça: “Varrer EUA do mapa”