Pedro Kol falhou a revalidação do título de campeão europeu de kickboxing. Num combate que se realizou neste sábado, em Roma, o lutador português foi derrotado por Alessandro Moretti, campeão de Itália.

O combate terminou prematuramente, de acordo com a Lusa, citada pelo Diário de Notícias, por lesão do atleta português, o que motivou uma decisão do juri contrária aos seus interesses. A 54 segundos do fim do terceiro assalto, e depois de derrubar, com o pé, o seu adversário, Pedro Kol ficou a olhar para o pé esquerdo e o combate foi interrompido, não voltando a reatar-se após minutos de dúvidas.

Os juízes decidiram não reatar o combate que, assim, foi favorável a Moretti, para infortúnio do lutador português, de 34 anos, que voltou aos ringues por desafio do campeão transalpino. Há dois anos, Pedro Kol tinha conquistado o único título que lhe faltava, o de campeão mundial, e abandonou os ringues, para se dedicar a tempo inteiro à Academia Kolmachine.

Em entrevista ao Observador, Kol afirmou: “Lido mal [com a derrota]. (…) Não se deve pensar que uma derrota é o fim do mundo, mas também não se deve aceitá-la de ânimo leve”.