O presidente dos EUA, Donald Trump, sugeriu ao antigo diretor do FBI, James Comey, que os jornalistas que publicassem fugas de informação deveriam ser detidos, noticiou o New York Times na terça-feira.

A sugestão foi feita depois de uma reunião na Casa Branca, em que Trump pediu a James Comey que permanecesse na sala, solicitando aos outros participantes, incluindo o vice-presidente, Mike Pence, que saíssem.

Depois, a sós, detalhou o jornal, Trump condenou aquelas fugas e disse que Comey deveria prender os jornalistas que publicassem informação classificada. O jornalista do New York Times alicerça a sua história em fontes próximas de Comey.