Não foi um final feliz para a equipa liderada por Nuno Espírito Santo. O FC Porto perdeu contra o Moreirense, este domingo, na última jornada da I Liga. E, no final do jogo, a equipa azul e branca dirigiu-se às bancadas para agradecer o apoio e foi vaiada pelos adeptos.

A derrota, que permitiu à equipa de Moreira de Cónegos se mantivesse na Primeira Liga NOS, provocou assobios e palavras de descontentamento, dirigidas à equipa e aos dirigentes do FC Porto. Na bancada no Moreirense foi erguida uma faixa onde se lia “A glória dos campeões é feita na última batalha. Por ti, por nós, pelo emblema”.

À saída, a situação teve de ser controlada pela polícia por confusões em torno do autocarro dos dragões, onde os insultos à equipa e treinador se faziam ouvir.

O Moreirense venceu o F.C. Porto por 3-1 e garantiu a sua presença na Liga NOS. Durante o jogo, um drone passou por cima do estádio com um pano vermelho, onde estava escrito o número 36. Os adeptos portistas não gostaram e entoaram, uma vez mais, cânticos que relacionavam o acidente de aviação do Chapecoense e o clube da Luz.

FC Porto. E agora, ainda há fé em Nuno Espírito Santo?