O Novo Banco registou um resultado líquido negativo de 130,9 milhões de euros entre janeiro e março, quando tinha tido um prejuízo de 249,4 milhões de euros em igual período do ano passado, revelou a instituição esta segunda-feira.

Os resultados do primeiro trimestre “refletem o esforço de consolidação operacional prosseguido desde o exercício de 2016”, destacou o Novo Banco no comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Já o resultado operacional ‘core’ atingiu os 59,6 milhões de euros, um crescimento de 7% face aos primeiros três meses de 2016.