Militares sul-coreanos dispararam sobre um “objeto não identificado” que voava na fronteira entre os dois países, o paralelo 38 norte, anunciou o exército da Coreia do Sul à agência de notícias Yonhap. As forças militares detetaram o objeto ao atravessar a zona desmilitarizada para sul. Os militares dispararam tiros como forma de prevenção.

Fonte da defesa sul-coreana disse que as tropas dispararam mais de 90 cartuchos de metralhadoras K-3 e acrescentou que se podia tratar de um drone. As forças sul-coreanas estão a analisar o objeto e a sua rota e foi feito um reforço na defesa do espaço aéreo.

Este incidente junta-se às já elevadas tensões entre as duas Coreias, depois dos recorrentes lançamentos de mísseis balísticos. Em janeiro do ano passado, um drone da Coreia do Norte voou sobre a MDL até a uma zona desmilitarizada. A Coreia do Sul abriu fogo sobre ele. No passado domingo, a Coreia do Norte voltou a lançar um novo míssil. As recentes eleições na Coreia do Sul prometeram, contudo, um aproximar entre os dois países.

Coreia do Norte lança novo míssil, diz Seul