O crescimento do nível de atividade da zona euro desacelerou em junho e desceu para o nível mais baixo dos últimos cinco meses, de acordo com as mais recentes estimativas da Markit divulgadas esta sexta-feira.

Segundo a empresa de serviços de informação financeira Markit, a estimativa do PMI (Purchasing Managers Index) composto da atividade total da zona euro em junho desceu para 55,7 pontos, o nível mais baixo dos últimos cinco meses, contra 56,8 pontos em maio e quebrando a tendência de alta.

Apesar deste recuo em junho, a zona euro registou no segundo trimestre o maior crescimento económico trimestral desde 2011.

Por outro lado, o acréscimo das encomendas recebidas desacelerou para um mínimo de quatro meses, adianta a Markit.

Um PMI acima dos 50 pontos indica que a economia da zona euro continua a crescer.