O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, sublinhou hoje a decisão de limitar a expansão de plantação de eucaliptos, referindo estar previsto no pacote legislativo da reforma da floresta a transferência de áreas destas árvores.

Depois de inscrever no programa de governo, Capoulas Santos referiu que se “decidiu plasmar na lei a limitação da expansão da área do eucalipto”, recordou o ministro, na comissão parlamentar de Agricultura.

“Não haverá mais um único novo hectare de eucalipto em Portugal se a lei, como eu espero, for aprovada na Assembleia da República. O que nós vamos permitir é a transferência de áreas”, precisou.

O objetivo do executivo é transferir eucaliptos que estejam em áreas com maior risco de incêndios e que são menos produtivas.

“Podem ser transplantados desde que devidamente ordenados para áreas mais produtivas e para áreas minimizadoras de risco de incêndio”, disse.