O feed de notícias do Facebook vai passar a ter mais um filtro. Conteúdos considerados clickbait, pouco informativos ou sensacionalistas serão ocultados, anunciou a rede social de Mark Zuckerberg.

O objetivo é o de “reduzir a quantidade de links com pouca qualidade”, diz a empresa na sua Newsroom – a plataforma onde anuncia as últimas novidades. Depois de uma pesquisa, a rede social percebeu que muitos dos utilizadores ativos partilhavam muitas publicações por dia, o que contribuía para um “spam” no feed dos utilizadores. A rede social ainda percebeu que muitas dessas ligações, além de serem de “fraca qualidade” e sensacionalistas, funcionavam como clickbaits.

Com esta medida, o Facebook reitera o seu compromisso (e um dos seus valores) de ter um feed de notícias informativo e mais relevante para os utilizadores. A rede de Zuckerberg sublinha ainda que esta decisão só se aplicará a links, como um artigo por exemplo, e não a domínios, páginas, vídeos, fotos ou atualizações de estado. Falta saber qual o critério que a rede social vai adotar para considerar determinado conteúdo “desinteressante”.

Nos últimos meses o Facebook tem também aumentado o combate às chamadas fake news, e tem até sensibilizado os utilizadores para não se deixarem enganar com os conteúdos partilhados pela rede social.

Também já é possível pesquisar redes WI-FI nas proximidades

Também na mesma semana, o Facebook anunciou uma nova funcionalidade, o Find Wi-Fi (Encontrar Redes Wi-Fi, em português) para dispositivos iPhone e Android. A ferramenta já tinha sido implementada em alguns países mas diz a empresa que “a ferramenta não é apenas útil para pessoas que estão a viajar, mas também em áreas onde a rede de dados móveis é escassa.”

Esta ferramenta, tal como o nome indica, vem ajudar a localizar redes Wi-Fi nas proximidades, desde que tenham sido previamente partilhadas por estabelecimentos com a rede social.

A funcionalidade está disponível através da opção “Encontrar Wi-Fi” no menu “Mais”. Depois disso, aparecerá um mapa com os pontos com ligação Wi-Fi mais próximos, além de informações sobre os estabelecimentos que partilharem essa rede. Atenção que vai ter de autorizar a aplicação a aceder à sua localização.

O Facebook explicou a nova funcionalidade no seu vídeo.

https://www.facebook.com/facebook/videos/10155980160956729/