As receitas da CP — Comboios de Portugal aumentaram 8% no primeiro semestre, face igual período do ano passado, de 110 milhões de euros em 2016, para 119 milhões em 2017, divulgou esta quinta-feira a empresa. Em comunicado, a CP diz que até junho foram transportados mais de 60 milhões de passageiro, um acréscimo de 7%, ou cerca de 3,9 milhões de passageiros, em termos homólogos.

Segundo a empresa, que não divulgou o resultado líquido do período, o aumento global foi, uma vez mais, transversal a todos os serviços.

Nos Urbanos de Lisboa, verificou-se um aumento de 7,7% para 41 milhões de passageiros, nos Urbanos do Porto, de 5,2% para 11 milhões de passageiros, e nos comboios regionais de 4,5% para 5 milhões de passageiros.

No longo curso, a CP transportou três milhões de passageiros, mais 6,6% do que um ano antes.

“Os resultados apurados nos primeiros seis meses do ano vêm confirmar a aposta numa política comercial dinâmica, adequada às necessidades dos clientes, que a empresa tem implementado”, sinaliza a CP.