Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Várias cidades entraram na corrida, mas a escolha recaiu sobre a capital. O Festival Eurovisão da Canção em 2018 terá lugar em Lisboa, na Meo Arena, situada no Parque das Nações.

A informação será confirmada oficialmente na terça-feira, ao fim da tarde, em conferência de imprensa na RTP, na qual vão estar representantes da União Europeia de Radiodifusão, entidade com sede em Genebra, na Suíça, que supervisiona a organização do evento.

Preparem o MEO Arena. E 30 milhões. Vem aí a Eurovisão

Outra novidade, já confirmada pelo Observador junto de fontes próximas da organização do evento, diz respeito a datas. O festival acontecerá entre os últimos dias de abril e os primeiros dias de maio, o que corresponde a duas semifinais e uma final.

Espinho, Matosinhos, Santa Maria da Feira, Guimarães, Lisboa e Portimão eram até agora as cidades apontadas como possíveis anfitriãs da Eurovisão em 2018. A escolha da Meo Arena não constitui surpresa. É o espaço de que mais se fala desde há alguns meses e o preferido da União Europeia de Radiodifusão, como em maio revelou ao Observador Nuno Artur Silva, vogal do conselho de administração da RTP.

Eurovisão 2018 em Portugal? Peçam fatura de tudo

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O diretor de programas da RTP 1, Daniel Deusdado, não quer adiantar quaisquer detalhes antes da conferência de imprensa de terça-feira, mas o Observador sabe que a estação pública já pediu para reservar a Meo Arena. O acordo está praticamente fechado. Os custos da operação ainda não foram divulgados, mas a média das últimas cinco edições do festival ronda os 28 milhões de euros.

Nos últimos dias, o organização do festival fez uma visita técnica à Meo Arena e considerou que o espaço reúne as condições técnicas necessárias. Prevê-se a utilização de equipamento com um peso total de 800 toneladas, o que desde logo deu vantagem à sala do Parque das Nações, por presumivelmente ser a única em Portugal que suporta uma montagem tão pesada.

A Meo Arena, antigo Pavilhão Atlântico, propriedade do consórcio Arena Atlântico desde 2013, comporta até 20 mil pessoas em pé e no caso da Eurovisão o número depende da localização e do formato do palco, aspeto que ainda está em aberto.

Salvador Sobral ganhou a Eurovisão. Reveja a final

A RTP é responsável pelo festival em 2018 como resultado da vitória de Salvador Sobral na mais recente edição do concurso, cuja final teve lugar a 13 de maio em Kiev, na Ucrânia.

A canção “Amar pelos Dois” obteve uns históricos 758 pontos e garantiu a Portugal a primeira vitória de sempre no Festival Eurovisão da Canção, no qual o país participou pela primeira vez em 1964, com o tema “Oração”, de António Calvário.