Segundo a AFP, que contactou os serviços da Liga, o documento, necessário para homologar o contrato, não chegou até à hora limite de modo a permitir que Neymar alinhasse pela primeira vez com a camisola do PSG, na jornada inaugural do campeonato francês.

Na quinta-feira, o avançado brasileiro assinou um contrato válido por cinco anos com o PSG, depois de o clube francês ter pagado ao FC Barcelona um valor recorde de 222 milhões de euros, correspondente à cláusula de rescisão com o clube espanhol.

A sua apresentação aos adeptos do PSG está prevista também para sábado, no Parque dos Príncipes, antes do jogo com o Amiens.