Cinema

Jerry Lewis: uma risada de vida em 22 imagens

437

Foi um dos nomes maiores do humor americano e influenciou diferentes gerações de comediantes. Morreu aos 91 anos. Recordamo-lo entre momentos e filmes únicos.

Mestre do humor físico, manipulador de vozes, expressões e piadas, Jerry Lewis morreu este domingo, depois de 91 anos de uma vida dedicado ao humor, no cinema, no teatro e na televisão. Tornou-se histórico e fez história, com papéis que influenciaram muitos que lhe seguiram as pisadas e sem esquecer opiniões públicas, sobre a política e a sociedade. Recordamos alguns dos momentos chave de um percurso marcante na fotogaleria em cima.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Arquitetura

Um museu dos “portugueses eram mesmo maus"?

José Manuel Fernandes Arq.

Reivindico o direito que temos à essência do nosso país, a assumir do seu contributo para o Mundo ao longo dos últimos 600 anos de expansão e colonização. Sem isso pouco Portugal teria dado ao planeta

Museus

Descobertas e má consciência /premium

Paulo Tunhas

O que a conversa contemporânea sobre a palavra “descobertas” faz é omitir os diferentes sentidos da palavra. Tal como para as celebrações de Salazar, é o aspecto político o único que realmente conta.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)